1 de outubro de 2010

UMUNDUNU - ESCOLA JOVEM LGBT

Jovens homossexuais, bissexuais e (por que não?) heterossexuais podem aprender um pouco mais sobre a cultura LGBT ou LGBTTTs (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Simpatizantes) na primeira escola do gênero no país.

A Escola Jovem LGBT iniciou seus trabalhos em março de 2010, em Campinas, e é resultado de um convênio entre o Governo do Estado e o Grupo E-jovem de Adolescentes Gays, Lésbicas e Aliados que tem como objetivo difundir sua cultura.

Moradores da Grande São Paulo também podem freqüentar as aulas de diversas disciplinas, desde a criação de revistas até dança e performance, sempre com foco LGBT.

Os cursos oferecidos são: Expressão Artística (Dança, Música e Performance - Drag Queen), Expressão Cênica (WEB TV, Teatro e Cinema) e Expressão Gráfica (Fanzine, Revista e Livro).

As matrículas e inscrições para bolsas de estudo estão abertas. Os interessados devem escrever para escola@e-jovem.com ou entrar em contato pelos telefones (19) 3307 3764 ou (19) 9341 3764. Não há taxa de inscrição, mas as pessoas podem colaborar com doações para o Grupo E-Jovem.

O principal objetivo da Escola Jovem LGBT é oferecer ao jovem todas as ferramentas para que ele possa se expressar, conhecer a Cultura LGBT e produzir sua própria cultura.

Renato Souza

3 comentários:

  1. Acredito que esta escola seja uns dos maiores símbolos da exclusão dos gays da sociedade... Dak a pouco vai ter escola para Negros... para Brancos... para Hetero... para Corintianos etc...

    A escola deve ser para o convívio de tds!

    ResponderExcluir
  2. O pior é que está palhaçada é patrocinada pelos Governos Federal e Estadual, Ministério da Cultura e sei lá quem mais...

    Absuuuuuuuuuuurdo!

    ResponderExcluir