8 de março de 2010

REALPOLITIK - ME ENGANA QUE EU GOSTO


Tenho 22 anos e, desde que me entendo por gente, o PSDB “governa” São Paulo. Nos últimos 16 anos, o que melhorou? A saúde pública era uma merda e continua sendo uma merda, ou seja, dezenas e, muitas vezes, centenas de pessoas amontoadas em hospitais obsoletos – pra usar um termo mais simpático. Quem precisa de hospital público sabe que, se você estiver com sorte, te mandam para o Hospital das Clínicas. Mas caso você se enquadre nos outros 98% da população, terá que ouvir, depois de esperar horas por atendimento, que “é assim mesmo. Tá com pressa? Paga particular!”.

Que merda

A propaganda eleitoral do governo paulista exalta as estradas do Estado, “as dez melhores estradas do Brasil estão em São Paulo”. O que o publicitário do PSDB “esqueceu” de dizer é que essas estradas foram privatizadas. Sendo assim, não são mais de responsabilidade do poder público. Isso é óbvio! O governo de São Paulo não investe em educação, não investe em cultura, nem em saneamento básico. Aí somos “obrigados” a assistir a propaganda da Sabesp que diz: “O meio ambiente é nosso maior produto”, então parem de despejar bilhões de litros de merda no rio Tietê. “Não jogue lixo na rua” é outra máxima repetida aos quatro cantos. No entanto, prefiro dizer “não permita que as indústrias, responsáveis por mais de 90% do lixo, joguem lixo em locais inapropriados”.

Enfim

O governador José Serra – que herdou o mandato de Geraldo Alckmin que, por sua vez, sucedeu Mario Covas - acredita que o poder executivo serve para regular o comportamento das pessoas. Hoje, no Estado mais rico do país, que conta, só na capital, com uma frota de mais de seis milhões de carros, é proibido fumar em locais fechados. Ah, agora sim! As pesquisas dizem que a concentração de monóxido de carbono em bares e casas noturnas caiu cerca de "70 e tralálá por cento". E quanto à concentração de monóxido de carbono no resto do ambiente? As pessoas, na maior parte do tempo, estão nas ruas, ora presas no transito, ora andando pelas calçadas irregulares, e de uma maneira ou de outra, todos respiramos esse fétido ar paulista - o único visível do país – e o governo não parece se preocupar com isso.

E o metrô de São Paulo? Em 16 anos, quantos quilômetros foram construídos? Depois de tanto tempo no "troninho", os tucanos vêm com este papo de Expansão, constroem algumas estações e já querem contar vantagem nos comercias! Bem, de duas uma: ou eu estou vendo pêlo em ovo, ou os eleitores de São Paulo têm merda – de tucano – na cabeça.

Thiago Menezes

21 comentários:

  1. Thiagão!
    Onde eu assino? Precisa ir em algum cartório reconhecer firma?
    Tudo me impressiona mal nos anos tucanos - sem trocadilhos! Vou dar um só exemplo: o metrô de São Paulo, com seus parcos 70 quilômetros, tem pouco mais de 36 anos. O de Buenos Aires, 97. Sem contar outras cidades que é até convardia comparar, como Nova York, Londres, Paris, Tóquio ou, sim!, Cidade do México e a já citada Buenos Aires.

    ResponderExcluir
  2. ingenuidade em achar que a oposicao faria diferente. se o planejamento deles fossem melhor a dilma nao teria que mentir e inflar os numeros do pac sempre que abre a boca. ignorancia de cunho parcial vem de gente desinformada, ingenua, ou simplesmente mal intencionada com interesses escusos por trás. http://www.gentequemente.org.br/

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito das criticas sobre o governo PSDB, mas ser contra a lei que proibe fumar em locais fechados é de perder o respeito, caso nao tenha sido ironico.

    ResponderExcluir
  4. Ops.. li de novo. Esquece o que eu falei. #]

    ResponderExcluir
  5. Concordo em parte. Não acredito que outro governo faria melhor ou diferente. Se olharmos para o resto do país veremos que não está muito melhor que aqui. Se não crescemos tanto nesses ultimos anos pelo menos não andamos para trás. Como suburbano, favelado, pobre e misserável que sempre fui não tenho muito a reclamar. Como estudante de jornalismo, cidadão e utilizador de serviços públicos são outros 500.

    ResponderExcluir
  6. Pessoal (especialmente o anônimo),
    Olha só!
    Não sou advogado do Thiago, mas concordo 110% com ele. E concordo em parte com o que o "anônimo" escreveu, apesar de perceber um ressentimento expelido de um enorme bico amarelo de plumagem preta e branca. Como eu tenho "certas tendências" anarquistas, não acredito que o governo do PT (ou do PMDB, DEM, PTB, PSB, PC do B, enfim, qualquer sigla que comece com "partido" ou "democratas") tivesse sido diferente, basta lembrarmos da Marta, em São Paulo, ou do Lula, lá em Londres, Nova York, Rejkjavik ou Havana. Político, por definição, entra no jogo. É desonesto, ladrão, mentiroso. Pede votos com a mesma naturalidade com que lhe toma a carteira depois do comício. São inúmeros os exemplos. Vão me dizer que, "cá como lá", mas lá, ao contrário de cá, os caras vão presos. Cá, o STF solta. Judiciário, Legilativo e Executivo, os 3 podres poderes da República das Bananas-mor: o primeiro tem a balança desregulada, o segundo é egocêntrico e refém, o terceiro é déspota, mesmo na "democracia", aquela coisa romântica que os gregos inventaram e os países ocidentais judaico-cristãos adaptaram tão aos seus interesses. Não há esperança na classe política, seja ela de qual cor, número, plumagem ou ideologia. Só há o caminho da revolução, mas os jovens idealistas estão paralisados punhetando seus gadgets jobs-gateanos perdidos nos condomínios fechados do Morumbi, de Alphaville ou da Barra da Tijuca.
    Caro "anônimo" de bico comprido, pode usar seu nome, e não fiqeu preocupado, eu visitei o seu blog (Gente que Mente). Faltam uns tucanos lá para decorar o ambiente que dona Dilma e seu Lula já figuram.
    Um grande abraço e continuem participando do 7CISMO!
    Rodrigo De Giuli

    ResponderExcluir
  7. Como disse o Rodrigo, concordo 110% com o Thiago.
    Os eleitores de São Paulo têm merda - de tucano - na cabeça.

    ResponderExcluir
  8. Do alto da sacada de seus prédios em bairros de classe média. De dentro do carro com ar-condicionado (as vezes do papai). Nas ruas bem asfaltadas e limpas. Da (minuscula )fila de espera dos melhores hospitais particulares de S. Paulo. Reclamam do que? Já pensaram em analisar os outros 24 estados e o Distrito Federal? E as obras do tal PAC, já viram alguma por aqui? 110%??? Nunca precisaram de nem 20%¨do que o Estado oferece.

    ResponderExcluir
  9. Não jogue pérola aos porcos, jogue lavagem. O que impera aqui é a Política do Pão e Circo. Alguém vai mudar?

    ResponderExcluir
  10. Primeiro: Não disse em nenhum momento que o PT faria diferente, disse?

    Segundo: Não sou playboy como o Renato insinuou.

    Terceiro: Obrigado por perderem tempo com o texto.

    ResponderExcluir
  11. Parabéns, belo texto.

    "Os eleitores de São Paulo têm merda – de tucano – na cabeça"

    Gostei tanto que coloquei até no sub-nick do msn rsrs

    E acho que dificilmente as coisas vão começar a mudar este ano. Mr Alckmin deve voltar. Caminhamos para 20 anos de brutal tucanismo.

    ResponderExcluir
  12. Thiagão!
    Este filho da puta do Renato só está provocando. Não é possível que ele acredite mesmo que sejamos pleibóis. Sei que ele vive num lugar diferente de nós, mas isso não o faz menos favorecido por isso - eu mesmo vivi toda minha infância e juventude no Jaguaré, bairro operário da zona oeste, subúrbio longíncuo na época. Mas se ele estiver falando sério, vamos dar umas porradas nele para ele aprender a respeitar "os mano"!
    Renatão, vá se foder! hehehehe
    Abraços!

    ResponderExcluir
  13. De Playboys viraram Pitboys??? Além de não aceitarem criticas ainda ameaçam a integridade física alheia?

    ResponderExcluir
  14. Renatão!
    Relaxa, meu!
    Já ouviu falar em ironia, sarcasmo?
    Renatão, desce do puleiro, os tucanos são protegidos pelo Ibama, não correm risco de extinção.
    Fica tranquilo, o seu candidato Serr... Ops!, o Aécio ainda vai ser presidente da República! Tem muito louco para votar em tucano! Tem muito louco para votar em petista, tem muito louco para votar em qualquer merda que suba num palanque e peça votos em troca de quaisquer migalhas, sejam elas cestas básicas ou asfalto na periferia, sejam elas um centro cívico de 1 bilhão de reais para homenagear o avô morto enquanto os vivos são arrastados pelo rio das Velhas em cada garoa belorizontina ou mortos nas "excelentes" estradas mineiras, em que curvas terminam sobre pontes sem defensas.
    Aqui? Bem, aqui todos sabemos quanto vai custar o Rodoanel ou a duplicação das marginais. Não??? Nem eu!
    O fétido rio Tietê, com merda, garrafas pet e sofás boiando não rende votos, mas asfalto novo, isso sim, vide os 16 anos tucenos ou os túneis da dona Marta, em São Paulo, que terminam em semáforos!
    Para mim bastam estas constatações para entender quão ruins são os políticos. Ruim com eles, contudo seria MUITO MELHOR SEM!!!
    Mas fique tranquilo, deixo claro, para você ou quem mais for tucano (ou petista, ou democrata, ou que porra de partido for!), que este espaço é sim para que todos possam expressar suas posições políticas.
    Compreendi isso quando tivemos aquela discussão sobre seu candidato, o Serr... Ops de novo! O Aécio! O Aécio, o neto esbanjador. Neste espaço, se alguém for tucano, que se expresse, não se esconda, assine. Como fez o Thiago Menezes, e EU, Rodrigo De Giuli, concordei com ele em 110%, agora ainda mais, pois a plumagem dos covardes aparece na provocação. É quando se percebe os atos falhos, os escorregões, o inconsciente submergindo.
    E é por isso que concordo com uma frase que você sempre usa: quanto mais conheço os humanos, mais gosto do meu cachorro!
    Daqui do alto da sacada do meu apartamento, comprado com o dinheiro ganho honestamente pelo MEU suor, e ninguém tem nada a ver com isso, orgulho-me de fazer algo a respeito para tentar, no mínimo, mudar a vida das pessoas ao meu redor; fujo do discurso vazio.
    Minhas ações falam por si, e espero, honestamente, que as suas também façam diferença, pois você sempre me pareceu um cara consciente e correto, mesmo bicudo amarelado.
    Valeu pela discussão até agora, que ela cresça e se multiplique, pois só mesmo assim conseguiremos fazer a diferença.
    Espero sua tréplica!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Não sou a melhor pessoa para discutir política. Tenho 22 anos. Quando o atual governo assumiu tinha apenas 6. Tinha acabado de me mudar para o lugar onde vivo. De fato não tenho do que reclamar, vou comparar com o que? Não sei como era antes. Mudou, melhorou, piorou? Sei lá, pra mim está tudo como sempre foi. Isso é ruim? Não para mim. Se a cidade não evoluiu, eu evului. Estudei em escola estadual a vida toda, que me deu um bom preparo para conseguir chegar na faculdade. Se a escola era boa ou ruim, não sei. Eu era bom e isso para mim bastava. Não reclamo de políticos. São safados? São ladrões? Mal carater? Se eu estivesse lá, faia do mesmo jeito ou até pior. Penso em mim. O próximo que se dane. Faço por onde, não fico esperando ajuda da Unesco (já diria D2). Não tenho comigo um partido. Não sou tucano, já votei em tantos outros. Mas me simpatizo sim, pela direita. Aprendi isso com meus pais. Que viveram o alge da ditadura e mesmo assim trazem boas recordações dela. Muito do que sou aprendi com eles. Quanto ao Aécio, tenho péssimas referencias sobre ele, fique tranquilo pois não me simpatizo com o Sarkozy mineiro. Quanto a minha periferia, nem asfalto ganhamos. Tivemos que pagar por ele. Não vejo tanta culpa nos engravatados do palácio dos Bandeirantes em relação ao Tietê, sou eu, é você, somos nós quem sujamos aquele rio todos os dias. Eles poderiam fazer mais. Mas nós também.

    Para falar a verdade, sei que isso nunca vai mudar. Sejamos governados por vemelhos ou azuis. Cada um vai puxar para seu lado. Socialismo, comunismo, ditaduta, democracia... balela. Enquanto houver uma pessoa pobre suficiente para ser comprada ou rica o suficiente para comprar alguém isso aqui vai continuar na mesma.

    Vou continuar rindo da minha própria desgraça e também da alheia.

    Olho para o futuro e vejo o passado. Nada vai mudar.

    ResponderExcluir
  16. Niilismo! Ou anarquismo! Renatão, onde eu assino desta vez?
    Abraços!

    ResponderExcluir
  17. Olha Renatão...

    Não sei se vc está brincando ou não. Apesar de ter pagado pelo asfalto da sua rua, vc não vê problemas na gestão pública? É impressionante...

    Ao contrário do que vc disse no comentário /// vc reclama sim dos políticos /// vc tem sim posição política... Vc mesmo disse que "simpatiza sim, pela direita".

    Desculpa aí... foi + forte do que eu...

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  18. Eu vejo os problemas dentro da minha casa. As goteiras, as rachaduras, as manchas nas paredes, a poeria que toma conta dos meus móveis. Não faço nada para mudar o lugar que vivo, pra que me importar com o que está lá fora?
    Problemas eu vejo sim, mas como não sei onde está a solução prefiro ficar quieto a reclamar do que não sei. Muito ajuda quem pouco atrapalha.
    Nunca precisei do tal Governo, onde moro fomos esquecidos e aprendemos a viver muito bem assim.
    O ônibus atrasa mas passa, a água falta mas vem, a luz acaba mas volta. Sempre foi assim, não vai mudar.
    Já disse, se roubam não é problema meu, eu também roubaria.

    ResponderExcluir
  19. Nossa! O papo tá fedendo a merda aqui ein? srsr...
    "Os eleitores de São Paulo têm merda – de tucano – na cabeça".
    É Thiago, e pra variar, merda é um belo de um adubo...

    Ótimo texto.


    Renato, também vejo esses e muitos outros em minha casa, mas, a solução todo mundo sabe onde está, e você também sabe. Precisar do Governo, infelizmente, todos nós precisamos dele (Mesmo sendo uma GRANDE merda que ele é). Mas não é só porque vivo num lugar esquecido, que vou ter que pensar pequeno. Mas, seria tão bom se SEU ônibus não atrasasse, se a SUA água não faltasse e se SUA luz não acabasse não é?

    ResponderExcluir
  20. Seria ótimo de MEU ônibus não atrasasse. Mas seria melhor se o motorista não ficasse bebendo um "café" no bar. Seria maravilhoso se MINHA água não faltase. Mas seria melhor se um filho da puta não a roubasse, desviando atravéz de ligações clandestinas para algum barraco no meio da favela. Seria muito bom se MINHA luz não abacasse, se os "manos" da rua não as quebrassem para viver no escuro de seu submundo com seu comercio paralelo.

    O problema não está no governo. Está no Homem.

    Dá poder para alguém que saberá quem realmente ele é.

    Eles erram. Nós erramos. Só que cobramos apenas deles. Por que não cobrar do cara do lado ou de si mesmo?

    Por que não repreender o motorista? Por que não reclamar com o ladrão da água? Por que não bater de frente com os "manos"?

    Ah, mas isso não é problema meu. É do Governo.

    Não são apenas os eleitores que tem merda na cabeça. Tem muita gente com cheirinho estranho nas idéias e não sabe de onde vem.

    Fernadna, não me faça sonhar. Quando eu acordo eu tenho que písar na calçada suja da minha periferia fria. Vila Guiomar agradece. (não procure no mapa, não tá lá)

    Não se preocupe com meu ônibus, uma hora ele passa. O fóda é a fome dos neguinho no Nordeste, essa demora. Se é que um dia passa...

    ResponderExcluir