29 de outubro de 2009

REFLEXPRESS - OUTRA VEZ TIDÃO


Aristides, o Tidão, desta vez embriagadamente revoltado, passou por mim e não me reconheceu. Estava transtornado e, em altos brados, proferiu o seguinte discurso:

- Ah!! Tristes povos oprimidos, sempre em busca de ídolos que a comunicação de massas cria e dissolve. O Zorro, o Homem Aranha, a Mulher Maravilha. Pelé, Maradona, Coca cola, Cocaína e Marilyn Monroe.

Salve os heróis fantasmas. A ficção é a solução. Melhor assim! Dormir em paz. A atitude política no dia-a-dia custa o abrir mão da babaquice pequeno burguesa. Fica caro deixar a mediocridade. Já pensou 31 de dezembro sem queima de fogos, que céu sem graça! Viva o Bope, a Rota. Viva o consumo exacerbado. Viva o reacionário! Gente!! Viva o Shopping, viva o Zeca apagadinho. O Jeca tatu pós moderno. Vivaaaa!!!! E a identidade cultural brasileira, O quê falta e o quê abunda em nosso Brasil? Abunda a bundamolagem porra!!! – Concluiu emocionado, quase chorando. “Injuriadaço!”

Do outro lado da rua pude observar a Dolores envergonhada. Ela roía as unhas e olhava para a vizinhança como que a desculpar-se pelos delírios do marido.

Claudio Zumckeller

4 comentários:

  1. Acorda aí, gente! O Brasil querendo saber sobre o escândalo da Uniban, e vocês "jornalistas da Uniban", dormindo no ponto...

    ResponderExcluir
  2. E aí Desperta, por que voce não fala do escândalo. Acorda os caras!!

    ResponderExcluir
  3. Isso, revele o escândalo pra esses palhaços!!!

    ResponderExcluir
  4. Caros,
    Ajudem-nos: que escândalo? Devemos estar MUITO distraídos para não saber de escândalo algum...
    Quer dizer, o que não falta neste país é escândalo, mas na Uniban?
    Avisem-nos que vamos buscar isso com o maior PRAZER!
    Abraços,
    Equipe 7CISMO

    ResponderExcluir