10 de setembro de 2009

FUTEBIZARRICES - CALMA, HERMANITOS!!!


Após a derrota na última quarta, no cabalístico dia 09/09/09, los hermanos estão com a corda no pescoço e podem assistir o Mundial da África do Sul pela TV. Mas não é o fim do mundo, afinal, os únicos a disputarem TODAS as Copas do Mundo somos nós, brasileiros, pentacampeões.

Os argentinos, que fazem a pior campanha na era dos pontos corridos, já ficaram de fora de quatro competições. Uma a mais no currículo não é tão desastroso. O Brasil, que participou de TODAS as 19, está garantido para os dois próximos, já que a próxima será na terra brasilis (a contragosto de muitos, diga-se de passagem).

É verdade que eles não quiseram disputar as eliminatórias para 1938, 1950 e 1954, mas, para 1970, ano do nosso tri, os argentinos caíram num grupo teoricamente fácil, com Peru e Bolívia e os dois últimos jogos em Buenos Aires. E os andinos aprontaram... Em La Paz, Bolívia 3 a 1. Em Lima, Peru 1 a 0... Restavam as partidas no Monumental de Nuñez: vitória magra, 1 a 0, sobre a Bolívia. A derradeira eliminação - contra os peruanos - veio com o empate em 2 a 2.

Gozado - ou não, o próximo confronto no atual classificatório é contra o fatídico adversário de 70 anos atrás, depois, encerram essa angustiante campanha contra os uruguaios, concorrentes diretos pela vaga. Na Argentina... Don Diego tem que tomar cuidado para que sua carreira não termine em pó... (que maldade!)

Agora, após ler esse monte de baboseiras, alguns 7cos perguntariam: Equipes grandes têm fases ruins de vez em quando! O que isso tem de tão bizarro???

Aos 7cos, eu respondo: Ano que vem, vá a Buenos Aires e pergunte a nossos vizinhos se eles estão gostando de assistir a partidas de Venezuela, Eslováquia e Bahrain... Venezuela em uma Copa e a Argentina não, é extremamente bizarro!!!

Gabriel Lopes

Um comentário:

  1. Idiotas, xinguem-me agora! Torço enlouquecidamente pela Argentina! Quero os caras na Copa, pois é lá que vamos eliminá-los! Foram em copas as vitórias mais legais contra eles - um 2 a 1, em 1974, na Alemanha, e em 1982, na Espanha, com Don Diego expulso de campo e um 3 a 1 sem discussão - e a derrota mais doída - em 1990, na Itália, com Don Diego machucado dando passe de pé direito para gol de Caniggia.
    Quero a Argentina na Copa!
    Rodrigo De Giuli, palmeirense (mas que se diz torcedor do Racing Club de Avellaneda lá na terra de Jorge Luís Borges)

    ResponderExcluir